Copergás ultrapassa marca de 400 dias sem acidentes com afastamento

28/01/2021

                                                                             Programa de prevenção tem inspeções diárias em obras

A Copergás atingiu nesta quinta-feira (28) um marco histórico: 406 dias sem acidentes com afastamento. A melhor marca anterior foi de 326 dias, registrado em 9 de dezembro de 2019. A conquista é resultado do empenho dos colaboradores e de uma série de iniciativas de prevenção e acompanhamento da empresa.

Entre as medidas adotadas pela Gerência  de Qualidade, Segurança, Meio Ambiente e Saúde (QSMS) para evitar acidentes constam inspeções diárias em edificações da Copergás, nas estações, em canteiros de empresas contratadas e em frentes de serviço. Também são realizados treinamentos de segurança com as contratadas, exercícios de simulação de emergência, acompanhamento de atividades de lançamento de novos clientes e estudos sobre ocorrências críticas já registradas na Companhia.

São considerados acidentes desse tipo aqueles sofridos pelo colaborador durante seu trabalho ou em decorrência dele, provocando algum tipo de lesão, que pode ser temporária ou permanente. Para todos é necessária uma perícia médica de confirmação feita pelo INSS. É por meio desse procedimento que se constata a relação entre o acidente e a atividade desempenhada pelo colaborador acidentado – que pode ser afastado temporariamente pela incapacidade de continuar executando suas tarefas diárias.

Há casos em que o dano sofrido impacta as habilidades do funcionário de tal forma que ele fica impedido de trabalhar na mesma função. Em ocorrências mais graves, pode acabar resultando em mortes. Estudo realizado em 2017 constatou que pelo menos um trabalhador morre a cada quatro horas e meia em decorrência de um acidente de trabalho. Os dados são de pesquisa realizada pelo Ministério Público do Trabalho (MPT) e pela Organização Internacional do Trabalho (OIT), e foram divulgados pelo Observatório Digital de Saúde e Segurança do Trabalho. “Trata-se de um problema que afeta trabalhadores e empresas em todo o mundo, cenário que mostra a relevância da marca histórica obtida pela Copergás e por seus colaboradores”, disse Danilo Morais, coordenador da QSMS.