Governador inaugura trecho de gasoduto

21/12/2009

Hoje, às 16h, o governador Eduardo Campos inaugura o trecho Recife-Caruaru do Gasoduto da Interiorização, que vai levar gás natural para impulsionar a indústria do interior pernambucano. Construído e operado pela Copergás, o Gasoduto vai, inicialmente, garantir suprimento do combustível limpo e mais barato para indústrias de Vitória, Gravatá, Bezerros e Caruaru.

“Vamos instalar a central de redistribuição em Caruaru de onde o gás, engarrafado, vai ser distribuído para todo o interior”, explica o governador Eduardo Campos. “Para isso, já definimos um tratamento tributário diferenciado para as empresas que utilizarem o gás natural”, acrescentou.

O trecho tem 120 quilômetros e vai levar desenvolvimento e empregos para o Agreste do Estado. A tubulação de 12 polegadas vai transportar 1 milhão de metros cúbicos por dia. “Não vamos parar aqui. O Gasoduto é projeto estruturador, que pretendemos dar continuidade”, diz  governador.

Enquanto isso, a central de redistribuição, composta de três baias com três pontos de carregamento, cada, pode carregar seis carretas, totalizando 100 mil metros cúbicos de gás diariamente, para alimentar indústrias não atendidas diretamente pelo gasoduto.

A vantagem atrairá novos investimentos e também benefícios ambientais. Além do parque industrial, o gás natural atenderá os setores automotivo, comercial e residencial. O investimento total na obra foi de R$ 116 milhões.

MEIO AMBIENTE

A preservação da natureza é uma das características do gás natural, por ser menos agressivo ambientalmente pois produz uma queima limpa e uniforme sem fuligem ou outros resíduos.

SEGURANÇA

Mais leve que o ar, o gás natural é seguro em casos de vazamentos, pois é rapidamente dissipado na atmosfera. Fora isso, só é inflamado a uma temperatura acima de 620° C. Mesmo assim, toda a tubulação é soldada e enterrada a uma profundidade de 1,5 metro e com proteção contra corrosão.

Folha Digital – 21/12/2009